Select Language

Quem crer vera a glória de DEUS.



Menor sou eu que todas as beneficências e que toda a fidelidade que tiveste com teu servo; porque com meu cajado passei este Jordão e, agora, me tornei em dois bandos.” (Genesis 32:10)

Em diversos episódios, a Bíblia Sagrada menciona sobre o cajado, que era uma espécie de vara, com uma das extremidades arredondada, usada para defender o rebanho, separar as ovelhas e até resgatar algumas que estivesse prestes a cair no abismo. Enfim, com o cajado, o pastor guiava e protegia seu rebanho. 

Orando ao SENHOR, Jacó disse que seu cajado havia sido o único bem que possuía quando, fugindo de Esaú, atravessara o rio Jordão em direção às terras de Labão: Menor sou eu que todas as beneficências e que toda a fidelidade que tiveste com teu servo; porque com meu cajado passei este Jordão e, agora, me tornei em dois bandos.” (Gênesis 32:10) Que esse artefato de madeira, nos tempos bíblicos, servia para cuidar dos rebanhos isso já sabemos. Mas por que um servo de DEUS estaria portando esse objeto?

Um anjo de DEUS foi enviado para ficar ao lado de Gideão quando este estava colhendo o trigo para o pôr a salvo dos midianitas. Então, o Anjo do SENHOR veio e assentou-se debaixo do carvalho que está em Ofra, que pertencia a Joás, abiezrita; e Gideão, seu filho, estava malhando o trigo no lagar, para o salvar dos midianitas.” (Juizes 6:11)

Esse anjo, mensageiro de DEUS, disse que o SENHOR era com o israelita Gideão. Este herói israelita se propôs a dedicar uma oferta a DEUS, um cabrito e pão sem fermento. Quando Gideão pôs a oferta sobre uma pedra, o anjo do SENHOR tocou a oferta com a ponta do seu cajado e ergueu-se um fogo que queimou o cabrito e o pão. 

Que lição tiramos desse registro? O cajado espiritual do anjo de DEUS estava cheio do poder de Deus e, se tocasse em alguma coisa, fogo dos céus sairia. Mesma coisa ocorrera nos dias atuais. Pois, se o SENHOR tocar, através da sua fé na Palavra de DEUS, fogo do céu sairá e o mal que tanto ti aflige terá o seu fim. 

Tudo o que a Palavra de DEUS registra é para meditarmos, entendermos e estabelecermos. Coisa alguma nos é revelada nas Sagradas Escrituras por acaso. Ora, tudo isso lhes sobreveio como figuras, e estão escritas para aviso nosso, para quem já são chegados os fins dos séculos.” (1 Coríntios 10:11)

Portanto, quando uma mensagem da Palavra de DEUS nos tocar, devemos orar e esperar em DEUS pelo o entendimento. Ao entender, passamos a ter condições de estabelecer e receber a bênção que o SENHOR planejou para nós, pois o entendimento traz a dádiva celestial.

Quando você sentir que está diante de DEUS, através da revelação da Sua Palavra, não seja tímido. "E disse-lhes: Por que sois tão tímidos? Ainda não tendes fé?" (Marcos 4:40) Creia que aquela visitação vem com ela o poder necessário para fazer o mal desaparecer da sua vida.

Então, que tal orar agora? Lembre-se, você está na presença do SENHOR! Significa que está protegido e amparado por DEUS e, por isso, pode e deve exigir a destruição e saída de qualquer mal que esteja ti ameaçando. Foi o próprio SENHOR JESUS que disse: Quem crer em mim, como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva.” (João 7:38)

Meu querido amado, creia na Palavra de DEUS, pois, agindo com fé, determinação e sem medo, certamente verás a glória de DEUS. “Disse-lhe Jesus: Não te hei dito que, se creres, verás a glória de Deus?” (João 11:40) Amem. 

Leia a Bíblia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário